Dicas importantes para iniciar um curso EAD

Confira as melhores dicas de especialistas no assunto!

PUBLICIDADE

O curso EAD é um curso que oferece estudo em um ambiente online e se comunica com professores e coordenadores por meio de uma plataforma virtual.

As vantagens do ensino à distância incluem flexibilidade e economia de tempo no deslocamento. As mensalidades também são mais baratas porque o custo da instituição é menor que o custo dos cursos em sala de aula.

Os cursos da EAD oferecem muitas possibilidades, como educação técnica, graduação, pós-graduação e cursos gratuitos. Se você tem interesse em começar a estudar a distância, confira as dicas que montamos neste artigo que poderão te ajudar! Continue lendo!

Veja as principais dicas para começar no EAD

Como escolher uma faculdade EAD?

Se você já sabe que tipo de ensino superior deseja estudar (técnico, bacharel, graduação, profissional ou pós-graduação), o próximo passo é escolher uma universidade que ofereça cursos a distância. Essa escolha precisa ser bem avaliada. Portanto, separamos três dicas para ajudá-lo. Confira:

Busque mais informações  sobre o curso

Antes de se inscrever, entenda o cronograma do curso. Verifique os materiais sugeridos e o que cada material deste curso cobrirá. Além disso, estude a equipe de professores, se possível, o número de professores e seus alunos. Neste processo de pesquisa, é importante entender os centros presenciais das instituições de ensino a distância em sua cidade.

PUBLICIDADE

Avalie o material didático

O curso EAD não precisa estar na sala de aula todos os dias. Portanto, todo aluno pode concluir o plano de estudos em casa. Portanto, o conteúdo fornecido pelos professores deve ser garantido como um ótimo conteúdo para sua qualificação profissional.

Confirme o credenciamento no MEC na instituição

Os cursos que você planeja iniciar devem ser aprovados pelo Ministério da Educação (MEC), o que é muito importante, pois agradecerá seu reconhecimento de diploma ao final do curso. A certificação também fornece segurança para o conteúdo do curso. Para determinar se a faculdade está vinculada ao MEC, basta realizar uma consulta on-line e inserir os dados da instituição no site.

Diplomas EaD são bem vistos no mercado de trabalho?

A modalidade de cursos a distância vem crescendo muito de alguns anos pra cá. Juntar a possibilidade de organizar seu horário da forma como bem entender, economizar com mensalidade e conciliar mais facilmente os estudos com o trabalho são alguns dos motivos pelos quais cada vez mais pessoas escolham essa modalidade.

Mas o que deixa as pessoas hesitantes é sobre a dúvida de como o diploma EaD é visto pelo mercado de trabalho. Se é aceito normalmente ou se fica de lado quando analisam os currículos de cada um.

Para esclarecer essa dúvida fizemos esse artigo, no qual falaremos sobre essa modalidade, se ela é tão bem vista como a tradicional e qual a diferença entre os diplomas EaD e presencial. Também listamos os 30 cursos com maior número de inscritos na modalidade. Confira!

PUBLICIDADE

Por que as pessoas estão preferindo o EaD?

O notável crescimento dos cursos a distância se deve, principalmente, segundo os alunos, à flexibilidade da carga horária (44%), mensalidades mais acessíveis (27%) e localização do polo de apoio presencial (11%). A informação foi coletada no “Panorama Quero Bolsa do Ensino Superior Privado no Brasil”, estudo que mensura os principais indicadores do setor. O levantamento, que contou com a participação de 3.400 estudantes da modalidade, também constatou que 79% deles consideram a qualidade de ensino excelente ou boa, 17% aprovam de forma moderada e somente 2% apresentam insatisfação.

Existe diferença entre o diploma EaD e o diploma tradicional?

Antes de entrar na maneira que o mercado de trabalho enxerga o diploma EaD, vale ressaltar uma coisa: o MEC não discrimina dentro do diploma qual modalidade de ensino o curso foi realizado.

Ou seja, tanto se o aluno fez uma faculdade presencial, quanto se ele optou pelo ensino a distância, o diploma indicará a mesma coisa, que é um curso de graduação. Dessa maneira, ele garante que não haverá distinção no papel.

PUBLICIDADE

Mas, mesmo assim, existem maneiras da empresa ou organização que o candidato está se candidatando a uma vaga de emprego saber a modalidade de ensino do curso superior. Então, o que acontece? Como o mercado de trabalho vê o diploma EaD? Da mesma maneira?

Os 30 cursos EaD mais procurados

  • Pedagogia – 478103 matriculados;
  • Administração – 221602 matriculados;
  • Contabilidade – 132401 matriculados;
  • Gestão de pessoas – 98838 matriculados;
  • Serviço social – 86447 matriculados;
  • Formação de professor em educação física – 72190 matriculados;
  • Gestão de negócios – 59110 matriculados;
  • Educação física – 58361 matriculados;
  • Sistemas de informação – 50708 matriculados;
  • Logística – 45429 matriculados;
  • Formação de professor em matemática – 44129 matriculados;
  • Gestão pública – 40311 matriculados;
  • Formação de professor em história – 39692 matriculados;
  • Gestão comercial – 35263 matriculados;
  • Marketing – 32527 matriculados;
  • Gestão financeira – 31104 matriculados;
  • Formação de professor em letras, no idioma português – 30954 matriculados;
  • Engenharia de produção – 30194 matriculados;
  • Formação de professor em geografia – 23693 matriculados;
  • Gestão ambiental – 22122 matriculados;
  • Enfermagem – 21635 matriculados;
  • Formação de professor em biologia – 20930 matriculados;
  • Gestão da tecnologia da informação – 17558 matriculados;
  • Engenharia civil – 16205 matriculados;
  • Formação de professor em letras, nos idiomas português e inglês – 15911 matriculados;
  • Teologia – 15785 matriculados;
  • Administração pública – 13887 matriculados;
  • Segurança pública – 13763 matriculados;
  • Formação de professor em artes visuais – 12480 matriculados;
    • Gestão hospitalar – 12003 matriculados.
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.